NotíciasRodrigo AshiuchiSuzano

Rodrigo Ashiuchi participa de debate sobre acesso viário ao Porto de Santos

EIXO SUZANO-SANTOS: ESTRATÉGICO!

De acordo com o prefeito de Suzano, Rodrigo Ashiuchi (PL), a via poderia gerar 25 mil empregos. Estimativa aponta que o traçado passaria pela cidade, o que beneficiaria todas as cidades do Alto Tietê. O workshop foi realizado na quarta-feira, 19 de julho, na capital paulista.

Confira abaixo a íntegra da matéria*

O prefeito de Suzano, Rodrigo Ashiuchi (PL-SP) participou de um debate sobre a importância de uma nova ligação da Região Metropolitana de São Paulo com a da Baixada Santista, passando por Suzano.

O workshop, realizado na quarta-feira, dia 19 de julho, no bairro Vila Mariana, zona sul da capital paulista, foi promovido pelo Instituto de Engenharia, entidade sem fins lucrativos que reúne diversos profissionais do segmento.

O encontro teve o objetivo de ouvir especialistas, representantes dos municípios envolvidos e empresas relacionadas ao setor de exportação, para que seja elaborado um estudo destinado às autoridades competentes do governo do Estado de São Paulo. O secretário municipal de Planejamento Urbano e Habitação, Elvis Vieira, também compareceu ao evento.

A reunião contou com a presença do presidente do Instituto de Engenharia, José Eduardo Frascá Poyares Jardim; do diretor-presidente da Autoridade Portuária de Santos, Anderson Pomini; do coordenador de Planejamento da Subsecretaria Estadual de Logística e Transporte, André Nozawa; do secretário municipal de Assuntos Portuários e Emprego de Santos, Bruno Orlandi; do vice-presidente de Atividades Técnicas do Instituto de Engenharia, Ivan Metran Whately; e do coordenador da Divisão Técnica de Navegação Interior e Portos do instituto, José Wagner Ferreira.

NOVO CORREDOR MULTIMODAL

Os participantes defenderam que as plataformas do Trecho-Leste do Rodoanel Mário Covas (SP-21) podem configurar um novo corredor entre Suzano e o Porto de Santos. A observação foi constatada após expansões previstas em movimentação portuária, que geram a necessidade de um novo corredor multimodal. Para eles, o eixo Suzano/Santos se torna estratégico para chegada ao maior Porto do País em sua margem esquerda.

Novos planos regionais de desenvolvimento do vetor leste da Grande de São Paulo, que também inclui o desenvolvimento exportador projetado para o Vale do Paraíba, são partes integrantes das plataformas logísticas do anel viário voltadas ao Porto de Santos. Levantamentos recentes apontam que o porto movimentou no ano passado volumes recordes de 162,5 milhões de toneladas e 5 milhões de TEU, unidade equivalente a um contêiner de aproximadamente 39 metros cúbicos.

O presidente do Instituto de Engenharia destacou que o evento é uma etapa importante no processo de desenvolvimento da região.

“Essa nova ligação do Planalto com a Baixada Santista é um corredor fundamental de comércio para o exterior. Por isso, estamos aqui para encontrar boas soluções de forma que possa ser implementado o multimodal, considerando os protocolos referentes às questões ambientais. Avaliaremos os planos diretores municipais para definir os melhores modelos e levar as conclusões às autoridades competentes”, ressaltou Jardim.

Por sua vez, Ashiuchi garantiu que esse projeto logístico pode ser o mais relevante do Estado de São Paulo nas últimas décadas.

“Só em Suzano, temos um milhão de metros quadrados disponíveis para novos centros logísticos. Caso seja viabilizado esse acesso, poderão ser gerados mais de 25 mil empregos. Em todo o Alto Tietê, haverá um significativo impacto no plano imobiliário, pois teremos um fluxo intenso que vem de São Paulo. Nós sempre defendemos projetos que modificam de fato a vida das pessoas, como é o caso deste, que abre novas possibilidades por esse novo acesso que defendemos”, frisou o prefeito de Suzano.

*Com informações de matéria do portal da Prefeitura de Suzano, publicada em 19 de julho de 2023 – www.suzano.sp.gov.br