DESTAQUESKatia SastrePL Mulher SP

O dia 8 de março deste ano é diferente.

Muitas de nós perdemos empregos porque tivemos que ficar com nossos maiores tesouros, os filhos, em casa.

Ou tivemos que adaptar nossa rotina de home office, sentindo ainda mais o peso do equilíbrio entre trabalho e família, com dias extenuantes de isolamento social. Vimos nossos negócios se esvaindo, entrando em crise.

Tivemos que nos expor ao vírus para manter o pão de cada dia na mesa. Preocupadas, cuidamos – cansadas, mas incessantemente – daqueles que mais necessitavam da nossa ajuda: enfermos pela covid, enfermos pela solidão, enfermos que se foram. Nós nos abatemos por um tempo, mas, logo em seguida, nos reerguemos para lutar o bom combate, sobretudo no mundo da política, lugar de inúmeros desafios neste tempo difícil.

Não deixamos de acreditar e de lutar por uma vida mais digna, mais justa aos nossos e a todos.

Os resultados das eleições de 2020 estão aí para mostrar esta luta. Ainda que tímido, tivemos o aumento do número de candidaturas e eleições de mulheres. Essa luta por cada cidadão é a nossa esperança. Essa luta é a nossa própria força. O mundo da política percebeu que precisa do gênio feminino para vencer guerras.

Em meio a esta tribulação, este 8 de março de 2021 frisou realmente o que significa o Dia Internacional da Mulher. Neste 8 de março, posso afirmar que muitas de nós deixaram de lutar como garotas e, amadurecidas no combate, passaram a lutar como uma mulher.

Que Deus nos abençoe, mulheres!

Deputada Katia Sastre

Presidente Estadual do Mulher PL