Notícias

Congresso iluminado de azul reflete o Dia Mundial de Conscientização do Autismo

SENADOR ROMÁRIO (PL-RJ) É UM DOS RESPONSÁVEIS PELA INICIATIVA.

“Estamos literalmente jogando luz, iluminando de azul, para olharmos para as pessoas com autismo com respeito e cuidado, para que elas vivam em uma sociedade que os acolhe e respeita”, comemora o senador Romário, que ao lado do senador Izalci Lucas busca atrair apoio ao Movimento Orgulho Autista Brasil (Moab), combater preconceitos e incluir a causa no censo do IBGE, no sentido de implementar políticas públicas eficazes e justas às pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA). 

Como parte das ações do Dia Mundial de Conscientização do Autismo – 2 de abril – o prédio do Congresso nacional está iluminado de azul desde a quarta-feira, dia 21 de abril, mantendo-se a celebração até a próxima quinta-feira, dia 29 de abril.

A iniciativa, aprovada pela Primeira-Secretaria do Senado, é dos senadores Romário e Izalci Lucas em apoio ao Movimento Orgulho Autista Brasil (Moab). A ação visa dar visibilidade às pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA), combater preconceitos e chamar população e autoridades para refletirem sobre esta causa tão especial.

À LUZ DA CAUSA

Para o senador Romário, reconhecido pela atuação nas pautas em favor das pessoas com deficiência no Congresso Nacional, essa iniciativa, além de chamar a atenção da sociedade para o assunto, sinaliza que os representantes da população também prestam a devida atenção à causa. “Estamos literalmente jogando luz, iluminando de azul, para olharmos para as pessoas com autismo com respeito e cuidado, para que elas vivam em uma sociedade que os acolhe e respeita”, comemora o senador liberalista.

Izalci Lucas diz que não poderia deixar de apoiar esta ação, pois, segundo ele, as inúmeras manifestações em todo o mundo ajudam a ampliar o conhecimento e a consciência a respeito do transtorno do espectro autista e de seus efeitos. “Nesse sentido, ampliar a conscientização sobre o autismo e incluí-lo no censo do IBGE são passos fundamentais para implementação de políticas públicas eficazes e mais justas”, ressalta o senador pelo Distrito Federal.

TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA (TEA)

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o TEA abrange uma série de condições caracterizadas por algum grau de comprometimento no comportamento social, na comunicação e na linguagem, e por interesses e atividades do indivíduo, realizadas de forma repetitiva. O TEA compreende o autismo, a Síndrome de Asperger, o transtorno desintegrativo da infância e o transtorno generalizado do desenvolvimento não especificado.

A OMS estima que uma em cada 160 crianças no mundo possui o TEA. O transtorno pode limitar a capacidade de alguns indivíduos de realizar atividades diárias e participar da vida em sociedade, enquanto outros são capazes de viver de forma independente.

Ainda segundo o órgão ligado à ONU, em todo o mundo, as pessoas com transtorno do espectro autista estão frequentemente sujeitas à estigmatização, discriminação e violações de direitos humanos. Globalmente, o acesso aos serviços e apoio para essas pessoas é considerado inadequado.

A DATA E SUA CELEBRAÇÃO

A data 2 abril como ‘Dia Mundial da Conscientização do Autismo’, celebrada desde 2008, foi criada pela Organização das Nações Unidas (ONU), tendo como objetivo divulgar informações e conscientizar a população sobre o transtorno, inclusive para repensar os sistemas de educação e treinamentos para garantir às pessoas com autismo oportunidades de concretizar seu potencial. No Brasil, o Dia Nacional de Conscientização sobre o Autismo foi instituído pela Lei 13.652/2018, que teve como base o PLS 321/2010.

O autismo é um transtorno global do desenvolvimento do indivíduo, resultante de desordem neurológica, que costuma surgir por volta dos 2 anos de idade e que, geralmente, causa dificuldades na comunicação verbal e não verbal, na interação social, nas atividades de lazer e lúdicas. Estima-se que 70 milhões de pessoas no mundo sejam diagnosticadas com transtorno do espectro autista (TEA).

Confira as Diretrizes de Atenção à Reabilitação da Pessoa com Transtornos do Espectro do Autismo (TEA) do Ministério da Saúde, acessando o link abaixo:

https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/diretrizes_atencao_reabilitacao_pessoa_autismo.pdf

 

_________________

FONTES:

 

Agência Senado

https://www12.senado.leg.br/noticias/

 

Portal Câmara dos deputados

https://www.camara.leg.br/assessoria-de-imprensa/

 

FOTO –   Roque de Sá/Agência Senado