Governo FederalNotíciasPresidente Jair Bolsonaro

Conferido título de Capital da Cerâmica de Alta Temperatura à cidade de Cunha

PRESIDENTE BOLSONARO SANCIONOU O PROJETO E AGORA É LEI.

A sanção presidencial é importante para a valorização da cultura e do comércio local de Cunha, que tem ao menos 17 ateliês agrupados na “Cunhacerâmica”, associação de ceramistas da cidade, além do seu instituto Cultural de Cerâmica. Desde 2005, é realizado anualmente o Festival de Cerâmica de Cunha.

Confira a matéria na íntegra:

O Presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), sancionou o Projeto de Lei da Câmara nº 65, de 2018, que confere o título de Capital Nacional da Cerâmica de Alta Temperatura à cidade de Cunha, no Estado de São Paulo.

O projeto busca reconhecer o trabalho exercido por ceramistas na cidade o qual foi se aprimorando ao longo dos anos até envolver a produção de cerâmica de alta temperatura, responsável por levar a cidade ao patamar de aclamação atual, tendo se tornado um dos mais importantes centros do setor na América Latina e que hoje é responsável pelo incremento do turismo cultural da cidade, que recebe inúmeros visitantes.

De acordo com o Relatório Legislativo do Senado Federal, a produção ceramista é parte indissociável da vida do município de Cunha, estando presente na região desde os tempos da ocupação pelos índios Tamoios, tendo passado também pela atividade das “paneleiras”, que produziam utensílios com técnica rudimentar, queimadas em “forno de barranco”.

O primeiro forno Noborigama – forno tradicional japonês de alta queima escalonado em várias câmaras de combustão dispostas em degraus para economia de combustível – foi construído em 1975 na cidade de Cunha, alçando-a ao patamar de reconhecimento atual nesta técnica de cerâmica de alta temperatura trazida do Japão, bastante utilizada na era pré-industrial.

Cunha possui pelo menos 17 ateliês agrupados na “Cunhacerâmica”, associação local de ceramistas, sendo a principal atração turística do município, que desde 2005, onde é realizado anualmente o Festival de Cerâmica de Cunha. Também existe o Instituto Cultural da Cerâmica de Cunha, criado em 2009, para difundir a atividade ceramista e promover ações educativas e culturais para a população local.

A sanção presidencial é importante para a valorização da cultura e do comércio local.

_______________________

Fonte: Secretaria Geral PL Nacional