ArtigosDESTAQUESNotícias

MENSAGEM DO PRESIDENTE – PEQUENO DIÁLOGO E REFLEXÃO SOBRE A SEGUNDA ONDA PANDÊMICA DA COVID-19

 “GRATIDÃO E SOLIDARIEDADE – FAZ BEM!”

A segunda onda da pandemia da nova variante do coronavírus veio para instalar mal-estar na humanidade e, em escala global, se tornar o maior desafio sanitário para a ciência neste século. No Brasil, estamos vivendo neste início de 2021 o pior momento de disseminação deste vírus invisível e traiçoeiro e de seus consequentes óbitos causados pela COVID-19. Após um ano de enfrentamento ao surto, o país registra mais de 11 milhões de casos e supera lamentáveis 270 mil óbitos, batendo recordes negativos de contágios, internações e mortes a cada dia, a cada semana, mostrando-nos que a doença está fora de controle, com o triste cenário se repetindo nos diferentes estados brasileiros e no distrito federal.

Assim como em todo o mundo, no Brasil mortes se tornaram inevitáveis, mas sabemos também que muitas delas poderiam – e podem – ser evitadas, já que há enorme contraste entre esses números e o descaso com o qual a pandemia foi e vem sendo tratada por alguns gestores públicos e parte considerável da sociedade brasileira.

Dar o devido valor à vida e não tratar as vítimas somente como números estatísticos, talvez seja o primeiro passo a ser dado para começarmos a refletir responsavelmente sobre a gravidade do atual momento, e entender que o luto dessas mortes deve ser social e coletivo, pois além de serem amados por outras pessoas, por seus pais, filhos, irmãos e amigos, eram seres humanos como nós, e muito além de vítimas em números, têm seus significados de vida, pois são nossos irmãos em Cristo.

O sentimento de abandono, a insegurança, a ansiedade e o estresse do povo brasileiro vêm aumentando a cada dia em todos os municípios do país, pela irresponsabilidade de parte considerável dos nossos líderes que têm dificuldades para lidar com esse cenário de catástrofe que se avizinha, já que cabe a eles o fundamental cuidado com o bem-estar emocional e da saúde mental da população brasileira.

Em tempos de crise da COVID-19 deve haver uma atuação mais próxima e solidária entre os entes da federação. Gestores públicos em todas as instâncias de poder devem ter o senso de missão comum, de unidade e criar ambientes de confiança, terem comportamentos mais exemplares, colocar os interesses coletivos acima dos pessoais, necessidades sociais à frente das diferenças políticas e partidárias, que porventura possam existir. Vivemos tempos únicos, é preciso praticar a generosidade.

Ao elevar nossa sincera solidariedade, carinho e alento às famílias enlutadas pelo coronavírus, em nome do Diretório Estadual do Partido Liberal de São Paulo-SP e de toda Família PL paulista, desejamos a melhor travessia possível desse processo de luto, bem como coragem e fé àquelas que encontram-se com entes queridos lutando contra essa doença cruel e covarde, seja nos hospitais ou em suas casas.

Os atingidos pela COVID-19 moram nos municípios, nesse sentido é que pedimos aos nossos dirigentes, mandatários – prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, deputados estaduais e federais – que reforcem suas unidades liberalistas e sob um olhar humanitário, renovem a cada dia seus esforços em harmonia com o Estado e a União, para enfrentarem as dificuldades do tempo presente com solidariedade e espírito coletivo, no sentido de minimizar o sofrimento das vítimas e de suas famílias.

E, para finalizar, temos que registrar as nossas mais sinceras homenagens aos heróis e guerreiros que estão na linha de frente combatendo, diuturnamente, a COVID-19, o nosso total reconhecimento, pois sabemos da responsabilidade bem como da coragem, que precisam ser grandes. A vocês profissionais da saúde que abdicam de ficar junto dos seus entes familiares em detrimento da missão de salvar vidas, compartilhamos o nosso sentimento de gratidão e admiração por todos.

Vamos seguir unidos e firmes, cada vez mais, até que essa praga seja combatida e eliminada efetivamente com a chegada da tão esperada vacina à população em geral, e cada cidade possa voltar a planejar o novo normal e um futuro melhor a seus moradores e moradoras.  Obrigado!

 

 

JOSÉ TADEU CANDELÁRIA

Presidente Estadual PL-SP