Miguel LombardiNotíciasNOTÍCIAS

Miguel Lombardi se posiciona contrário ao aumento de tributos às entidades filantrópicas

DEPUTADO FEDERAL DO PL SE MANTÉM EM DEFESA DO TERCEIRO SETOR, que faz a diferença no atendimento à população menos favorecida socialmente.  A possibilidade de aumento está prevista na PEC 133/2019.

 

Deputado federal Miguel Lombardi (PL-SP) se destaca entre os parlamentares brasileiros, por sua atuação firme e justa no Congresso Nacional, tendo entre as frentes de seu mandato, o trabalho em defesa das entidades assistenciais de quase 200 municípios do estado de São Paulo, entre eles Limeira.

Vicentino desde 1994, o parlamentar liberalista, trabalha em Brasília buscando recursos para os lares de idosos, creches e hospitais mantidos pela Instituição, além de outras instituições filantrópicas, como a Santa Casa de Misericórdia.

A propositura a que o deputado Miguel Lombardi (PL-SP) se posiciona contrário, consta no artigo 6º da ‘PEC Paralela‘, o Projeto de Emenda à Constituição 133/19, que pretende aumentar os tributos sobre as atividades das entidades filantrópicas de todo o país.

Para o premiado parlamentar do PL, os serviços oferecidos por essas entidades assistenciais são fundamentais. “Eles fazem uma grande diferença na vida de brasileiros que estão em situação de pobreza. O terceiro setor tem feito o trabalho do Estado e não merece ser penalizado.”, defende o deputado Miguel Lombardi.